Blog

beneficios do colaborador

Felicidade no trabalho e seu impacto no aumento da produtividade

última atualização dia 26 de fevereiro de 2021

felicidade-no-trabalho

O motor das empresas é financeiro ou ligado às pessoas que podem gerar entusiasmo?

Hoje, à medida que as empresas estão evoluindo e novas gerações de profissionais entram no mercado, nota-se que cada vez mais, a percepção do emprego limitado aos ganhos financeiros torna-se ultrapassada. As pessoas, muitas vezes, passam mais tempo no escritório do que em suas casas, por isso quando se fala em gestão de clima no trabalho, e como melhorar o ambiente organizacional, alinhando os valores das pessoas aos valores da empresa, um ponto muito importante surge: a felicidade no trabalho.

Um levantamento feito por uma Universidade do Reino Unido, baseado nos hábitos das pessoas mais felizes do mundo, apontou que 12% delas são também mais produtivas. Logo, a conquista da realização nas áreas pessoal e profissional é possível, e sua empresa sai ganhando ao investir em programas que promovem o bem-estar para as mais diferentes equipes de trabalho.

Quer entender a relação entre uma equipe motivada na área profissional e o aumento da produtividade de um negócio? Confira nosso post!

O que é felicidade no trabalho?

É comum as pessoas associarem a felicidade no ambiente organizacional com grandes conquistas, como ter um projeto aprovado, receber uma gratificação ou ser promovido.

Entretanto, o conceito tem uma relação mais próxima com satisfação pessoal, ou seja, em ter uma boa experiência no trabalho. E isso, tem a ver com inúmeros fatores: com a satisfação com o resultado do seu trabalho, a relação com pares, e também com lideranças, além de uma ideia clara do impacto que o seu trabalho traz para o todo. É também a soma de pequenas vitórias, conquistas diárias, que levam o profissional a ir adiante.

Com isso, ele tem motivação para exercer suas atividades, e torna-se mais engajado com a sua equipe, o que melhora a produtividade. Isso porque ele enxerga um propósito maior em trabalhar para uma organização que valoriza o seu bem-estar e conquistas pessoais.

Quais os ganhos que a empresa vai ter?

Ter um colaborador feliz traz uma série de ganhos para a organização, como:

  • redução do turnover, já que o profissional gosta de trabalhar na empresa, assim, as chances de ele permanecer no local por mais tempo é alta;
  • diminuição de custos com contratações, demissões e novos treinamentos;
    menor absenteísmo, porque o bem-estar no trabalho se reflete na saúde física e mental (diminuindo os casos de estresses e burnout);
  • melhor rendimento e comprometimento da equipe, inclusive no home office;
  • incentivo para a criatividade dos profissionais, visto que eles se sentem valorizados;
  • equipes mais integradas;
  • melhora da produtividade, já que as pessoas terão mais entusiasmo e interesse na realização de suas tarefas.

Quais ações práticas vão deixar os colaboradores mais felizes?

Por ser um conceito mais abstrato, o que é felicidade para uma pessoa não necessariamente é o que move a outra. Por isso, quando se fala em gerar um impacto positivo através da felicidade no trabalho, surge a dúvida: quais ações podem deixar as equipes mais motivadas? Veja a seguir:

Ofereça um plano de carreira

Demonstre para os profissionais que eles podem crescer na organização, com progressões de carreira como melhora de cargo ou salário. Com isso, eles podem vestir a camisa da empresa e trabalhar mais tranquilos sabendo que a organização oferece um caminho para o desenvolvimento dele.

Trabalhe com benefícios flexíveis

Uma política clara de benefícios faz com que o colaborador se sinta recompensado no dia a dia, e a composição de uma carteira que considere as mais diferentes equipes que você tem na empresa é primordial. Os benefícios certos oferecidos pelas empresas podem impactar positivamente para a felicidade no trabalho. Então, é importante que o colaborador tenha:

  • Plano de saúde;
  • Vale-alimentação ou refeição;
  • Suporte para o bem-estar financeiro, visto que o estresse com dinheiro compromete seu desempenho no trabalho. Aqui a empresa pode oferecer empréstimos de forma rápida com desconto em folha de pagamento, ou seja, sem burocracias.

Invista na formação de líderes

As equipes precisam de líderes que saibam como delegar tarefas, valorizem o potencial de cada um e estejam sempre próximos para dividir os desafios e dar feedbacks. Seja para auxiliar em uma tarefa, inspirar ou para mediar conflitos.

Cuide do ambiente organizacional

Ofereça boas condições de trabalho, como um mobiliário ergonômico, boa iluminação, ambiente com temperatura agradável. Estabeleça ainda pausas no expediente para que as pessoas possam tomar café, conversar e descontrair. Com as equipes em home office, é necessário criar esses momentos em que o foco não seja apenas o trabalho repetitivo.
O RH deve se voltar para a felicidade no trabalho das equipes. Não só como forma de trazer harmonia para o clima organizacional, mas também para contar com equipes mais comprometidas com o próprio resultado, e também a buscar os resultados da empresa.

Cada colaborador que veste a camisa da empresa age como um multiplicador de uma cultura organizacional saudável, que reconhece e valoriza o empenho do profissional e é capaz de incentivar outras pessoas (e empresas) a fazer o mesmo.

Gostou do nosso post? Então saiba mais sobre como funciona o benefício voltado para a saúde financeira de seus colaboradores! E caso precise mexer na política de benefícios para promover um melhor ambiente no trabalho é só contar com os consultores Ahfin.